Skip to main content

O home staging de um imóvel pode fazer uma grande diferença tanto na sua valorização quanto na velocidade da venda. Um imóvel bem decorado transmite melhor o seu potencial, aumenta o interesse dos compradores e valoriza consequentemente o preço final de venda. Vejamos em detalhe como a decoração influencia esses fatores.

O Impacto da Decoração na Valorização de Imóveis

A valorização de um imóvel está intimamente ligada à qualidade da sua decoração. Entender essa relação é fundamental para proprietários que desejam anunciar pelo melhor preço possível.

1.1. Como a decoração influencia a valorização do imóvel?

A decoração de um imóvel tem um impacto direto na sua valorização, uma vez que realça os seus pontos fortes e minimiza eventuais fraquezas. Uma decoração bem conseguida torna o imóvel mais apelativo e desejado pelos compradores, o que se traduz num preço final de venda mais elevado. Eis alguns aspetos onde a decoração tem um impacto significativo:

  • Distribuição e dimensionamento dos ambientes;
  • Iluminação e conforto térmico;
  • Estilo decorativo harmónico;
  • Paleta de cores;
  • Mobiliário de qualidade;
  • Revestimentos modernos e em bom estado;
  • Personalização dos ambientes.

Ao investir nesses itens, o proprietário eleva o patamar do imóvel, passando uma imagem de cuidado e qualidade que os compradores recompensam.

1.2. Valorização média percentual com uma decoração de qualidade

Pesquisas do sector imobiliário indicam que uma decoração de qualidade pode valorizar o imóvel em média entre 7% a 10%. Contudo, este percentual varia consoante o estado inicial do imóvel e o montante investido na sua renovação.
Em imóveis bastante antigos ou desvalorizados, o impacto da decoração pode ser ainda maior, alcançando uma valorização de 20% ou mais. Por outro lado, em imóveis usados e bem preservados, o acréscimo tende a situar-se entre os 5% e os 8%. De qualquer maneira, é evidente que a decoração acrescenta um valor significativo ao imóvel.

home staging

A Rapidez na Venda de Imóveis Bem Decorados

Para além de valorizar o imóvel, uma decoração adequada também acelera o processo de venda. É importante compreender esta relação para podermos aplicar as melhores estratégias. Com o mercado imobiliário cada vez mais competitivo, a velocidade de venda tornou-se um fator crucial. E é aqui que a decoração de um imóvel desempenha um papel primordial.

2.1. A Ligação entre a Decoração e o Tempo de Venda de Imóveis

Para além de valorizar o imóvel, uma decoração apropriada acelera também o processo de venda. Imóveis bem decorados vendem-se, em média, três vezes mais depressa do que imóveis sem decoração ou mal decorados. Isto acontece porque a decoração ajuda o comprador a visualizar melhor o potencial do imóvel.
Um imóvel vazio, ou com mobiliário velho e distribuição inadequada, torna difícil para o comprador imaginar as possibilidades que o espaço oferece. Por outro lado, um imóvel decorado inteligentemente direciona o olhar para os pontos fortes, despertando maior interesse e desejo de compra.

2.2. Estatísticas sobre a Velocidade de Venda de Imóveis Bem Decorados

Conforme dados do sector imobiliário americano, imóveis bem decorados vendem-se, em média:

  • Em 29 dias, em comparação com os 97 dias para imóveis não decorados;
  • Recebem, em média, 7% mais propostas do que imóveis sem decoração;
  • 20% vendem pelo preço total pedido, em contraste com os 8% dos imóveis não decorados.

Em Portugal, ainda faltam estatísticas consolidadas, mas agentes imobiliários experientes confirmam que imóveis bem decorados atraem mais compradores já no primeiro mês de divulgação, encurtando o tempo de venda.

home staging

O Retorno de Investimento do Home Staging

Técnicas como Home Staging otimizam a decoração visando o retorno sobre o investimento. É relevante avaliar esse aspecto do decorar para vender.

3.1. Compreendendo o Conceito de Home Staging

O Home Staging consiste no processo de preparar e decorar um imóvel para venda, para destacar os seus pontos fortes e torná-lo mais atrativo para os compradores. O objetivo é influenciar positivamente tanto o valor quanto a rapidez da venda.

3.2. O Impacto do Home Staging no Retorno do Investimento

Quando bem executado, o Home Staging gera um excelente retorno sobre o investimento. Estudos indicam que para cada 1 € investido em Home Staging, o retorno médio é de 5,86 €. Ou seja, um retorno de, 586% sobre o valor investido na preparação do imóvel para venda.
Isto acontece porque o Home Staging influencia diretamente o preço e o prazo de venda, compensando largamente o custo inicial. Imóveis com Home Staging adequado tendem a vender mais rapidamente e com preços entre 5% a 10% superiores.

3.3. Estudos de Caso de Sucesso com Home Staging

Existem inúmeros casos de sucesso com Home Staging em todo o mundo. Um exemplo é o caso de Olivier Carneiro começou a investir no arrendamento turístico em 2008 e em 2012 investiu pela primeira vez no Home Staging visando conquistar o cliente premium. O retorno foi imediato e fácil de medir, já que os dois apartamentos intervencionados já estavam no mercado em regime de exploração de Alojamento Local. O preço por noite aumentou entre 40% a 50% e a taxa de ocupação dos apartamentos subiu de 60% para 80%. Além disso, conseguiu atrair clientes com maior poder de compra e algumas figuras públicas.
Outro exemplo é um apartamento em Madrid, Espanha, avaliado em 1,35 milhões de euros. O proprietário investiu 20.000 € em Home Staging e vendeu o imóvel por 1,55 milhões de euros em apenas 6 semanas. São casos que comprovam o alto retorno do Home Staging.

A Perceção dos Compradores ao Visualizar Imóveis

A perceção de um comprador é fortemente influenciada pelo que ele observa durante as visitas ao imóvel. A decoração desempenha um papel fundamental na perceção do potencial e valor do bem.

4.1. A Capacidade dos Compradores de Visualizar o Potencial de um Imóvel

Apenas uma pequena percentagem de compradores, cerca de 10%, consegue visualizar facilmente o potencial de um imóvel desocupado. Os restantes têm dificuldade em ver além das limitações de um imóvel não decorado e imaginá-lo com uma melhor disposição e decoração.

4.2. Como a Decoração Influencia a Perceção do Comprador

Um imóvel inteligentemente decorado elimina o esforço de imaginação do comprador. Em vez de tentar visualizar possibilidades, o comprador foca-se na experiência que o imóvel bem decorado oferece, conseguindo reconhecer mais facilmente o seu potencial.
Isso gera uma conexão emocional maior com o imóvel, importante para motivar a compra. O comprador consegue se projetar morando naquele espaço decorado e se sente mais inclinado a tomar uma atitude.

4.3. Dicas para vendedores: maximizando o potencial visual de um imóvel.

Para auxiliar os compradores a enxergarem o potencial do seu imóvel, alguns pontos importantes:

  • Invista em iluminação adequada e uniforme;
  • Pinte paredes e tetos em cores claras e neutras;
  • Faça reparos e consertos onde for preciso;
  • Tenha mobiliário clean e confortável;
  • Decore paredes com quadros e prateleiras;
  • Destaque pontos fortes e vistas privilegiadas.

Quanto mais limpo, iluminado e bem decorado estiver o ambiente, mais fácil será para os compradores reconhecerem as possibilidades do imóvel.

Estratégias Efetivas de Home Staging

Existem vários princípios e práticas comprovadas para potencializar resultados com Home Staging. Dominar esse conhecimento é essencial.

5.1. Como implementar Home Staging de maneira eficaz e rentável

Para implementar o Home Staging de maneira eficaz, deve-se começar pelos espaços mais importantes, como a sala de estar e os quartos. Invista em elementos com grande impacto visual, como pintura, iluminação e mobiliário principal. Complemente com decoração provisória e mais económica, como almofadas, cortinas e prateleiras. Idealmente, deverá gastar entre 1% a 3% do valor do imóvel.

5.2. Os erros comuns a evitar no Home Staging

Erros comuns que devem ser evitados:

  • Exagerar na quantidade de móveis e decoração;
  • Usar móveis velhos ou danificados;
  • Deixar armários e prateleiras desarrumados;
  • Escolher cores fortes ou patterns excessivos;
  • Não consertar problemas óbvios (infiltrações, rachaduras);
  • Não cuidar adequadamente da iluminação.

O Papel dos Profissionais de Home Staging

Em muitas situações, contar com um profissional especializado é a chave para garantir um Home Staging bem-sucedido. E aqui, falamos de profissionais ligados ao design de interiores, que conseguem transformar espaços de maneira a torná-los mais atraentes para possíveis compradores.

6.1. Quando contratar um profissional de Home Staging

A contratação de um profissional deve ser considerada quando o proprietário não tem tempo, disposição ou aptidão para realizar um Home Staging de qualidade por conta própria. Os benefícios de um trabalho bem executado por um especialista compensam o investimento. Isto torna-se ainda mais relevante quando falamos de design de interiores, uma vez que um olhar experiente e treinado pode fazer toda a diferença.

6.2. O que esperar de um serviço profissional de Home Staging

De um profissional de Home Staging espera-se o conhecimento das melhores estratégias de valorização, a criatividade para maximizar os pontos fortes e resolver problemas do imóvel, e o acesso a soluções, fornecedores e mão de obra especializada para intervir no imóvel e deixá-lo em condições ideais de venda. A experiência em design de interiores é particularmente valiosa, ao permitir que sejam encontradas soluções estéticas e funcionais que aumentem o valor percebido do imóvel.

6.3. Como escolher o profissional de Home Staging certo para o seu imóvel

Ao procurar profissionais, procure por aqueles com ampla experiência, portfólio de casos de sucesso, responsabilidade, ética e compromisso com resultados. Compare propostas e converse com clientes anteriores. Visite imóveis decorados pelo profissional. Contratar um bom Home Stager, especialmente um com experiência em design de interiores, aumenta consideravelmente as hipóteses de um ótimo retorno sobre o investimento.
A decoração, quando abordada estrategicamente para valorizar os pontos fortes e maximizar o visual do imóvel, tem um impacto significativo no valor e na velocidade de venda dos imóveis, gerando um excelente retorno sobre o investimento para os proprietários.

Desde pequena, sempre fui apaixonada por arte e design. Após formar-me em Artes Decorativas Portuguesas em 1999, diversifiquei a minha carreira, explorando o design de interiores e adquirindo experiência no comércio e no setor imobiliário. Em 2017, fundei o ALMA Interiores, concretizando a minha visão de unir todas essas habilidades.